Total de visualizações de página

SEGUIDORES. PARTICIPE TAMBÉM! EM BREVE VOU VISITAR O SEU BLOG. DEUS TE ABENÇOE!

Pesquise aqui

sexta-feira, 20 de junho de 2014

PARÁBOLAS DE JESUS - A DRACMA PERDIDA

A DRACMA PERDIDA
 Lucas 15:8-10
"Ou qual a mulher que, tendo dez dracmas, se perder uma dracma, não acende a candeia, e varre a casa, e busca com diligência até a achar?
E achando-a, convoca as amigas e vizinhas, dizendo: Alegrai-vos comigo, porque já achei a dracma perdida.
Assim vos digo que há alegria diante dos anjos de Deus por um pecador que se arrepende."


Antigamente, alguns povos tinham um costume muito interessante, quando um casal ficava noivo, o esposo dava para a esposa uma peça com dez moedas, chamadas de dracmas. Era um enfeite usado na cabeça, mostrando assim que ela estava comprometida, era como se fosse a aliança nos dias atuais.
O seu valor em dinheiro não era muito alto, mas era de grande valor emocional, por isso ela cuidava com muito carinho. Se seu enfeite estivesse mal cuidado, sujo ou faltando alguma parte, representava que ela era uma esposa relaxada, por isso ela tinha muito zelo por aquele enfeite, cuidando sempre para não perder nenhuma moedinha.

Um dia Jesus contou mais uma história
(Para contar você pode, montar um pequeno teatro, em que a contadora da história é a personagem que perdeu a sua dracma, monte um cenário de casa, use uma lanterna, uma vassoura, coloque na sua cabeça as moedinhas que vc pode fazer com papel laminado, e vá usando a sua criatividade... sei que ficará linda a contação para as crianças.)
Uma mulher tinha dez moedas de prata. Certo dia, ao contar suas moedas notou a falta de uma delas. E pensou: _ Onde estará a minha moeda? Será que a perdi?
(Com antecedência, esconder uma moeda na sala.
Vocês vão representar a mulher em nossa história de hoje. À medida que eu for contando a história, vocês farão a encenação.
Uma mulher possuía dez moedas de prata. Elas eram muito preciosas para ela, por isso cuidava bem delas. Certo dia, ela percebeu que estava faltando uma moeda. Para ter certeza disso, ela verificou de novo. Ela as contou. [As crianças contam as moedas.] 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9... Com certeza – havia apenas nove!)
Então, imediatamente começou a procurá-la por toda a parte.
(Aquela mulher provavelmente morasse em uma casa com piso de terra batida coberto com palha limpa. A casa tinha apenas uma janelinha, por isso era uma casa escura. Quando a mulher percebeu que sua moeda estava perdida, ela sabia que a moeda havia caído no piso.
Estava perdida em algum lugar em meio a toda aquela palha! Pelo fato de não haver muita claridade dentro da casa, ela teria muito trabalho para encontrar a moeda perdida!)
Acendeu uma lamparina para poder enxergar melhor.
(Assim, primeiro ela acendeu a luz para ter mais claridade, e então começou a procurar.
[Acender a vela ou lanterna.] Muito cuidadosamente, ela revolveu as palhas observando para ver se a moeda brilhava ou fazia barulho ao cair na terra batida.)
Pegou uma vassoura e, com muito cuidado, varreu todos os cantinhos até achar uma moedinha.
(Muito cuidadosamente, ela revolveu as palhas observando para ver se a moeda brilhava ou fazia barulho ao cair na terra batida. E então, depois de sacudir a image palha, ela a levava para fora. Depois de removida toda a palha, ela varreu cuidadosamente a casa inteira, procurando atentamente por sua moeda. [Dar a cada criança uma vassourinha ou pedir-lhes que façam de conta que varrem.] Primeiro varreu uma parte da casa, depois outra, levando consigo a lâmpada enquanto se movia de um lado para outro.
Vagarosa e cuidadosamente, sempre com muita atenção, ela varria muito bem o piso enquanto procurava por sua moeda.)
Quando a encontrou, ficou tão feliz que convidou suas amigas e vizinhas para festejarem com ela.
(De repente – será que ela vira alguma coisa brilhando um pouquinho? Ela se curvou para olhar, afastando a poeira. Sim! Ali estava sua moeda!
Ela a encontrara! Estava muito feliz! Correu para contar a suas amigas e vizinhas.
– Minha moeda! Eu encontrei minha moeda perdida!
As outras mulheres também ficaram felizes por ela ter achado a moeda perdida.
– Venham – disse ela. – Venham comemorar comigo.)
Da mesma maneira, Deus e seus anjos no céu se alegram quando uma pessoa recebe Jesus no coração.
(texto áureo: Porque o Filho do homem veio salvar o que se tinha perdido. Mateus 18:11)

imagens que ilustram a parábola:





Atividade:




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Paz do Senhor Jesus! Obrigada por estar visitando meu blog e deixando a sua opinião. Que Deus continue a lhe abençoar grandemente.

;
Ocorreu um erro neste gadget

Você já falou com Deus hoje?

Você já falou com Deus hoje?